quinta-feira, 26 de abril de 2012

Projeto Sensibilização : É tão lindo...


IDENTIFICAÇÃO :

EMEIA I  - Arujá – São Paulo - 2012
Professora : Ana Paula
Duração : 20 dias

JUSTIFICATIVA: Ao ingressar na escola, a criança deixa o convívio com a sua família e passa a conviver com adultos e crianças de sua idade, descobrindo, a sua maneira, novas experiências, novos valores, que irão enriquecer os conhecimentos que ela já traz do universo que a rodeia, dando oportunidade de desenvolver suas potencialidades, preparando-se e despertando para a vida.

OBJETIVO: Promover a socialização dando á criança confiança em si, adaptabilidade e rendimento  intelectual.

CONTEÚDO : Linguagem Oral Escrita: Falar e escutar; Prática de leitura e escrita; Matemática: Número e sistema de numeração; Grandezas e medidas; Artes Visuais: Fazer artístico; Apreciação visual; Natureza e Sociedade: Seres vivos; Preservação do meio ambiente e diferentes grupos; Música: Apreciação musical e reflexão.

ESTRATÉGIA:

1 – Interpretação e expressão corporal da música

2 – Número e quantidade ( complete e ligue )

3 – Complete com as letras faltosas e pintura com giz de lousa molhado

4 – Caça – palavra do camelo e pintura
5 – Número e quantidade ( ligue, desenhe, pinte e copie )
6 – Complete os espaços com as letras faltosas do alfabeto
7 – Desenho dirigido e pintura dos amigos
8 – Desenho livre e pintura
9 – Pintura e escrita dirigida dos amigos
10 – Pintura e escrita dirigida da foca
11 – Número e quantidade ( conte, assinale, desenhe, pinte e complete )
12 – Pintura do SABIÁ ( monte e cole a palavra SABIÁ , identifique a primeira, ultima e total de letras )
13 – Pintura, montagem e colagem da palavra TAMANDUÁ
14 – Pintura e escrita da FORMIGA    

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

PROJETO CANÇÃO : “A COBRA NÃO TEM PÉ”
Identificação
EMEIA I- Arujá - São Paulo
Professora : Ana Paula - nível : I – 2011
Duração : 20 dias

Introdução
        A música é uma linguagem que se traduz em formas sonoras capazes de expressar e comunicar sensações , sentimentos e  pensamentos , o trabalho com a mesma, na instituição de educação infantil,  deve respeitar o nível de desenvolvimento das crianças em cada fase , bem como as diferenças socioculturais   . É importante que o professor insira no seu cotidiano diversas situações para o desenvolvimento das capacidades da criança em ouvir e perceber diferentes gêneros , estilos e ritmos musicais , cuidando para não limitá-las a sua realidade. 

Justificativa

No trabalho com a música é importante que o professor ofereça situações nas quais a criança terá contato com diferentes textos (letra de música) , o que proporcionará a observação e a análise , consciente e gradativa , das características formais da linguagem tanto oral quanto escrita , elaborando assim uma série de hipóteses provisórias antes de compreender o sistema escrito em toda a sua complexidade    .

Objetivos

·        Relacionar gestos e o movimento corporal ao trabalho musical .

·        Experimentar e utilizar recursos para expressarem seus desejos, sentimentos e idéias .

·        Compreender as relações entre oralidade e escrita .

·       Propor situações para leitura incidental e pseudoleitura de músicas memorizadas  .

Conteúdo

·        Linguagem Oral e Escrita : leitura , escrita dirigida , caça-palavras , complete , montagem de palavras   , letra inicial e final de palavras .

·        Matemática : quantidade , escrita do número e contagem .

·        Artes Visuais : pintura, recorte e colagem .

·        Música e Movimento : expressão corporal da música.  

·        Natureza e Sociedade :o habitat da cobra ,fruta (limão) , árvore (natureza) e corpo humano (partes).

Estratégia

1.     Leitura do texto (música/cartaz).

2.     Dramatização da música.
video


3.     Complete os espaços com as letras faltosas e pinte a cobra.

4.     Desenhe a quantidade de cobra indicada e pinte .

5.     Caça-palavra da cobra e pintura .

6.     Complete o texto (música da cobra) com as palavras faltosas (dirigida).

7.     Atividade do número 7 (quantidade e escrita dos números).

8.     Complete os espaços da cobra com os números faltosos e pinte.

 9.     Escrita dirigida da letra da música e pintura combinada da cobra (número e cor).

10. Pintura dirigida da cobra.

11. Desenhe e pinte as partes faltosas da música.

12.  Atividade do número 8 (quantidade e complete os espaços com os números faltosos).

13.Desenhe quantidade de limões indicada e pinte.

14.Pintura das figuras que compõe o texto (música), montagem e colagem das palavras.

15.Escrita dirigida das figuras e pintura.

16 . Pintura , recorte e  colagem da cobra  



PROJETO : “TARSILA DO AMARAL”
Identificação
EMEIA I- Arujá - São Paulo
Professora : Ana Paula - nível : I – 2011
Duração : 10 dias

Introdução
Constatamos que  a  vida social está  se transformando radicalmente , através das novas tecnologias e das novas maneiras de se ver e de perceber o mundo . As imagens dominam o cenário social. Na atualidade a leitura de imagem apresenta tanto valor quanto a leitura de palavras. Uma imagem tem muito a relatar e a ser interpretada, pois carrega consigo inúmeras mensagens.
Justificativa
Dentro desta realidade a instituição escolar deve ser reconfigurada para atender as novas necessidades apresentadas pelo contexto social, oferecendo um projeto ligado a área da arte visual, com especial enfoque na artista Tarsila do Amaral com suas cores vibrantes e suas combinações atendem ao imaginário infantil de um mundo que não seja necessariamente o que vemos.  
Objetivos
·        Conhecer a história da artista plástica Tarsila do Amaral.
·        Interpretar obras de arte, compreendendo sua função comunicativa.
·        Pintar os desenhos de acordo com a original , produzida pela artista.
Conteúdo
·        Linguagem Oral e Escrita : leitura de imagens  , escrita dirigida , caça-palavras , complete , montagem de palavras   , letra inicial e final de palavras .
·        Matemática : quantidade , contagem e  escrita do número.
·        Artes Visuais : pintura dirigida  .
·        Natureza e Sociedade : paisagens de natureza que estão presentes nas obras trabalhadas .
Estratégia
1.     Leitura da história .


2.     Apresentação e organização do mural com as obras da Tarsila do Amaral .
3.     Pintura da obra “ABAPORU” , monte , cole, e complete o nome indicado .

4.     Pintura da obra “OVO” e caça-palavra  .


5.     Pintura da obra “SOL POENTE” e complete o espaços com as letras faltosas .

6.     Escrita e pintura  dirigida da obra “A LUA” , contagem e registro da quantidade de lua em cada balão .


7.     Escrita dirigida da obra “O VENDEDOR DE FRUTAS” , identifique as partes faltosas da mesma , complete e pinte .

8.     Desenho e pintura dirigida da TARSILA DO AMARAL.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

PROJETO CANÇÃO : “DA ABÓBORA FAZ MELÃO”

Identificação
EMEI “Vila Guilherme”- Santa Isabel - São Paulo
Professora : Ana Paula - nível : II – 2011
Duração : 15 dias


Introdução
As canções costumam acompanhar diferentes atividades da rotina infantil tanto em casa quanto nas instituições educativas : canta-se antes de ouvir uma história , na hora do lanche , do sono , no passeio , no banho. A canção breve é repetida várias vezes , e essa repetição traz novos significados às ações cotidianas como as citadas anteriormente . Atividades comuns revestem-se de ritualidades brindadas pela música . A sonoridade familiar lembra o que já passou e ao mesmo tempo antecipa o que virá . É , portanto , instrumento para a consolidação da confiança que a criança busca nas situações que vive e nas pessoas com as quais convive.
Justificativa
As letras das canções são um tipo de texto que apresenta características peculiares que favorecem a descoberta , por parte das crianças , das relações entre o oral e o escrito . As canções infantis de tradição oral são , em sua maioria , composições curtas apoiadas na linguagem oral , quase sempre com rimas , refrão , letra , e melodia simples , de fácil memorização , o que permite ser lembradas e cantadas com muita facilidade . As canções são repetidas e experimentadas diversas vezes pelas crianças , sua sonoridade ajuda a lembrar o que já passou e , ao mesmo tempo , a antecipar o que virá .

Objetivos
  1. Jogar com a linguagem , colocando atenção na forma ou sonoridade , e começar a compreender como ela funciona .
  2. Observar a importância dos recursos gráficos na construção da canção .
  3. Compreender as relações entre oralidade e escrita .
  4. Aprender sobre as características da linguagem escrita .

Conteúdo
  • Linguagem Oral e Escrita : leitura , escrita dirigida , caça-palavras , complete , montagem de palavras  e canção , letra inicial e final de palavras .
  • Matemática : contagem e seqüência.
  • Artes Visuais : pintura, recorte , colagem e dobradura .
  • Música e Movimento : brincadeira de roda.  
  • Natureza e Sociedade : tradição e vivência
Estratégia
1.Leitura da canção (cartaz)

2.1 Brincadeira de roda

2.2.Filme da brincadeira de roda
video


3.Pinte as palavras que se repetem

4.Caça-palavras SINHÁ e DOCE

5.Complete as partes faltosas da canção

6.Conte os pedaços de melancia

7.Dê os vizinhos da semente de abóbora

8.Monte e cole o nome do Juquinha , depois pinte-o

9.Escrita dirigida dos elementos que compõe a canção

10.Dobradura da casa do Juquinha , complete-o com desenho e pintura

11.Monte a palavra , identifique a letra inicial , final e quantidades de letras , em seguida pinte-o

12.Recorte , monte e cole a canção

13.Desenho dirigido da canção

Projeto Poema : O Pato (Vinícius de Moraes)
Identificação:
EMEI “Vila Guilherme” – Santa Isabel – São Paulo
Professora Ana Paula – Nível II – 2011
Duração : 20 dias



Introdução :
Os poemas convidam o leitor a jogar com os sons e sentidos das palavras. Para as crianças, assim como para muitas pessoas, a poesia é rima, é algo bonito, é como uma brincadeira. Poema é a poesia em palavras e costuma ser identificado por sua função gráfica com versos e estrofes. Porém, um de seus aspectos mais importantes é a sua capacidade de chamar atenção sobre si mesmo, ou seja, sobre a sua linguagem.
Justificativa :
Na escola, o poema é um tipo de texto ainda pouco trabalhado. Recentemente, diferentes autores têm mostrado que a relação entre o oral e o escrito presente nos textos poéticos revela-se um aspecto importante para o aprendizado da língua e do sistema de escrita pela criança. O trabalho com poemas é, portanto, possível e desejável, pois favorece que se criem situações didáticas com uso de textos significativos e contribui para o processo de aprendizagem da leitura e da escrita na medida em que os aspectos sonoros, a linguagem usada, o aspecto formal, assim como lateralidade e a fixação desse tipo de texto possibilitam que as crianças reflitam sobre as relações entre o oral e o escrito. 
Objetivos  :
  • Introduzir o poema na sala de aula.
  • Expandir os recursos de leitura e escrita.
  • Identificar a ludicidade verbal contida nos textos deste gênero.
  • Brincar com as palavras do poema .
Conteúdos :
  • Linguagem Oral e Escrita : leitura, escrita, complete e caça-palavra.
  • Matemática:  quebra-cabeça, contagem, registro de quantidades, ordene os símbolos e pintura combinada (número e cor).
  • Movimento e Música : dramatização do poema .
  • Artes Visuais : pintura , recorte , colagem e tangram.
  • Natureza e Sociedade : A poesia contida no poema “ O PATO”
Estratégias:
1.       Leitura do poema “O PATO” (Vinícius de Moraes)

2.       Dramatização do poema .

video

3.       Circule as palavras indicadas e ilustre o poema

4.       Quebra-cabeça do poço (recortar, montar, colar, e pintar)

5.       Complete o poema (atividade dirigida)
6.       Conte  e registre a quantidades de bicos, asas e patas.
7.       Complete as letras faltosas da palavra PANELA.
8.       Pintura combinada da galinha, número e cor.

9.       Pinte, recorte, e ordene os canecos do 1 ao 15

10.   Caça-palavra e pintura do cavalo

11.   Pintura e colagem da tigela
12.   Tangram do pato (recorte, monte e colagem)

13.   Colagem, desenho e pintura do moço

14.   Escrita de palavras do poema e pintura das figuras

15.   Desenho dirigido e pintura do poema “ O PATO”

16.   Mosaico da galinha (colagem de EVA picado)    

PROJETO POEMA : “INFÂNCIA” (SÔNIA MIRANDA)
Identificação
EMEI “VILA GUILHERME”- Santa Isabel - São Paulo
Professora : Ana Paula - nível : II – 2011
Duração : 20 dias
Observação : segundo projeto poema desenvolvido em sala de aula , então segue a mesma introdução e justificativa utilizadas no projeto anterior “ O Pato”.  
Objetivos
·        Introduzir o poema na sala de aula .
·        Expandir os recursos de leitura e escrita .
·        Identificar a ludicidade verbal contida nos textos deste gênero .
·        Brincar com as palavras do poema .
Conteúdo
·        Linguagem Oral e Escrita : alfabeto , leitura de imagens  , escrita dirigida , caça-palavras , complete , montagem de palavras   , letra inicial e final de palavras .
·        Matemática : quantidade , contagem e  escrita do número.
·        Artes Visuais : pintura dirigida , cores primárias e secundárias , recorte e colagem .  
·        Natureza e Sociedade : brincadeiras de criança
·        Movimento : brincamos de amarelinha , bola , patinete , bicicleta , polícia e ladrão  , gato e rato e patins
Estratégia
1.Leitura e interpretação do poema “INFÂNCIA” de Sônia Miranda .

video

2.Complete o poema “INFÂNCIA”.

3.Pintura , recorte e colagem do CASTELO .

4.Ajude a FILHA percorrer o caminho certo , encontrar sua MÃE e entregar as flores .
5.Ligue os números  do 1 ao 20 , formando a figura de uma BOLA e pinte  .
6.Complete as partes faltosas da palavra PATINETE e pinte  .
7.Pintura , recorte e colagem da AMARELINHA  .

8.No segundo desenho  vamos identificar e completar as partes faltosas e colorir somente o primeiro .
9. Montar e colar a palavra BICICLETA , identificar a primeira , última e quantidade de letras .


10.Ajude o REI a encontrar sua RAINHA , seguindo os números do 1 ao 20  e pinte .

11.Ajude a POLÍCIA pegar o LADRÃO , seguindo a ordem das letras do alfabeto.

12.Vamos misturar as cores primárias , formar as cores secundárias e colorir o PATINS .


13.Tentativa de escrita (hipótese silábica)
14.Desenho e pintura dirigida do poema “INFÂNCIA” de Sônia Miranda.